Como fazer a declaração de veículos no IR

São muitos os detalhes que envolvem a declaração de veículos no Imposto de Renda, afinal, as condições em que seu carro ou moto foram adquiridos também variam.

Você comprou o veículo em 2018 ou já tinha ele antes? Está financiado ou está pago? Paga um consórcio? Bem, de toda forma, terá que preencher todos os dados em sua declaração do Imposto de Renda.

Então, para ajudá-lo nessa missão, vamos abordar neste artigo:

– Como fazer a declaração de veículos no IR

– Como declarar veículos que estejam financiados

– Veículo roubado ou furtado, saiba o que fazer

– Paga um consórcio de veículo? Veja como declarar

– Como fazer a declaração de carros ou motos quitados

Claro que antes de tudo, é importante saber quem deve fazer a declaração do Imposto de Renda 2019 . Se for o seu caso, siga em frente!

Como fazer a declaração de veículos no IR

Para declarar o veículo que comprou, vá ao campo “Bens e Direitos”, no código 21 – Veículo automotor terrestre.

Será preciso informar marca, modelo, placa, ano de fabricação e número do Renavam. Isso pode ser feito na aba “Discriminação”.

Você também terá que lançar o valor pago na compra. Isso é possível no campo “Situação em 31/12/2018”.

Meu veículo está financiado, e agora?

Calma, pode parecer complicada toda essa história, mas não é. Você vai ver que é mais simples do que imagina. Vamos lá!

Se o seu carro estiver financiado, depois de lançá-lo no campo citado acima, você deverá colocar o valor que ainda falta pagar em Dívida e Ônus. E pronto. Simples assim.

Veículo roubado ou furtado – como declarar

Na ficha Declaração de Bens e Direitos, você deve informar o roubo ou o furto no campo “Discriminação” do veículo e, ainda, o valor recebido da seguradora.

No campo “Situação em 31/12/2018 (R$)” deixe em branco.

Na ficha Rendimentos Isentos e Não tributáveis deve ser informada a parcela do valor recebido da seguradora que exceder o valor pelo qual o bem acidentado ou roubado esteja declarado.

Quanto ao veículo adquirido, informe no campo “Discriminação” o valor recebido da seguradora e, no campo “Situação em 31/12/2018 (R$)”, o valor de aquisição.

Paga um consórcio de veículo? Veja como declarar

Segundo a Receita Federal, o consorciado que no ano-calendário:

• Foi contemplado

• Alienou o veículo pelo valor de mercado

• Para tanto, liberou a alienação fiduciária do veículo

Assumiu a dívida do consórcio com a administradora, por meio de nota promissória…

Deve considerar o valor das parcelas pagas até a alienação do bem, corrigido até 31/12/2018, acrescido do valor da dívida assumida – como custo, para efeito de apuração do ganho de capital.

Como fazer a declaração de carros ou motos quitados

Se você já tinha quitado seu carro em 2017, apenas repita o valor incluído na declaração do ano passado.

Para facilitar, copie o valor de aquisição do carro que estava no campo “Situação em 31/12/2017” para o campo “Situação em 31/12/2018”.

Qual é o prazo de entrega do IR

Já dissemos isso aqui, mas não custa repetir, afinal, de nada adianta você tirar todas as suas dúvidas e perder o prazo.

A, aliás, é bom se apressar! A declaração do Imposto de Renda 2019 deve ser entregue até o dia 30 de abril, às 23h59, horário de Brasília.

Ainda tem dúvidas sobre como declarar seu veículo?

A declaração do imposto de renda gera mesmo muitas confusões. Então, se você tem dúvida, entre em contato conosco e envie sua pergunta aos nossos especialistas. É sempre melhor pedir ajuda, do que enfrentar a malha fina.

Ah! E não se esqueça de assinar nossa newsletter para ficar por dentro de todas as informações sobre o Imposto de Renda.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn